Meninas do Rio

Ana Stewart

Meninas do Rio (Valongo Editora) reúne 19 meninas da periferia do Rio de Janeiro em fotografias dez anos depois. Claudia Jaguaribe assina a coordenação editorial
Um retrato no tempo. É como Claudia Jaguaribe define o fotolivro Meninas do Rio. Foram 19 meninas, escolhidas aleatoriamente, em bairros da Zona Norte do Rio, fotografadas a primeira vez de 2001 a 2006, e refotografadas, de 2011 a 2016 – dez anos depois.
Em todas as fotos, embora o fortuito fosse um companheiro agregador de ideias, Ana tentava colocar um pedaço da cena doméstica, escolhido em comum acordo com elas, fosse um canto da casa ou um elemento decorativo de força afetiva. O resultado está no fotolivro publicado pela Valongo Editora, selo especial do Estúdio Madalena, com as fotos colocadas aos pares, separadas por um papel manteiga, que representa a passagem de uma década no tempo, e um encarte com as entrevistas feitas pelo jornalista Joaquim Ferreira dos Santos, com cada uma delas.
“É um trabalho muito diferente o que a Ana conseguiu fazer com as meninas, é especial. Não há uma denúncia social e a empatia entre as duas partes chega ao leitor”, afirma Claudia Jaguaribe. Para fotografar, Ana Stewart montava um pequeno set, sem maquiadores, figurinistas, cabeleireiros ou produtores, funções que acabavam sendo praticadas pelos familiares, vizinhos, namorados ou quem mais estivesse por ali.

            Todas as fotografadas foram descobertas no meio de alguma rua, de alguma praça, por onde Ana estivesse passando, com exceção de quatro, indicadas por conhecidas da fotógrafa. Em comum apenas o fato de serem moradoras de bairros da Zona Norte do Rio ou de municípios próximos. Para o projeto, Ana usou a câmera Hasselblad modelo anos 1960, tripé, luz contínua, refletor Fresnel e teve ao seu lado o assistente Alexandre Savino.

            Meninas do Rio é o segundo fotolivro do selo especial Valongo editora, criado pelo Estúdio Madalena, dentro de um projeto maior de Iatã Cannabrava e Thamyres V. Matarozzi. O projeto inclui o Valongo Festival Internacional da Imagem, que ocupou as ruas de Santos em outubro, e que dará início a um Centro Cultural no mesmo bairro a partir de janeiro de 2017.

R$100.00

Adicionar ao carrinho Comprar Adicionar à wishlist

Disponível

Últimas Cópias

Esgotado